Pesquisar

sábado, 15 de setembro de 2012

Marido é preso após agredir esposa com soco

A Polícia Militar de Santo Antônio da Platina prendeu na madrugada de ontem na rua Coronel Joaquim Rodrigues do Prado, 346 na Vila Claro, o morador Marcondes Batista de Souza, acusado pela esposa, Carla Aparecida Martins, de agredi-la com um soco, deixando seu rosto ferido.
A mulher contou aos policiais que após uma discussão, seu companheiro tentou agredi-la com um soco, mas foi impedido quando ela fechou a porta da sala para não ser atingida. Carla contou que o soco atingiu a porta e cacos do vidro atingiram seu rosto, causando ferimentos.
Carla revelou que após a agressão o marido a ameaçou de morte se houve a separação. O acusado foi levado para a delegacia, onde permanece preso pelo crime de lesão corporal e violência doméstica e familiar. “Ele fica preso pela lei Maria da Penha. Ela pediu medidas protetivas e com isto, indeferi o pedido de fiança. É melhor para a segurança dela”, afirmou o delegado na cidade, Fátimo de Siqueira.
Desacato
Na delegacia,, enquanto Souza era preso, sua irmã, Auricelia Batista de Souza desacatou os militares com palavras de baixo calão, além de ofender o repórter fotográfico do Jornal Tribuna do Vale, Antônio de Pícolli. A mulher foi presa por injúria, mas na delegacia foi liberada para responder em liberdade. Um carro GM Corsa foi apreendido ainda no caso.

Tanosite

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Deixe seu comentário sobre essa notícia