Pesquisar

domingo, 4 de novembro de 2012

Corpo encontrado em riacho é de menino desaparecido

O Instituto Médico Legal (IML) de Londrina confirmou na manhã deste domingo que o corpo da criança encontrado no sábado (3) à tarde é o de Gustavo de Freitas Araújo, de 8 anos, que estava desaparecido desde o dia 31 de outubro.
A criança foi encontrada em um riacho conhecido como "Água do Biguá", a três quilômetros do município de Primeiro de Maio (61 km ao norte de Londrina). O reconhecimento do corpo foi feito pela família do garoto na noite de sábado.
O IML não soube informar quais ferimentos causaram a morte do menino. O corpo passou pelas primeiras perícias, mas devido ao estado do corpo, o instituto precisou enviar os exames para análise em Curitiba. Os resultados devem ficar prontos na segunda-feira (5).
A família de Gustavo mora no distrito de Vila Gandhi, entre as cidades de Primeiro de Maio e Bela Vista do Paraíso. Nos últimos dias, equipes policiais fizeram diligências pela região em busca do menino.
O investigador Frank Kotarski, da Polícia Civil de Primeiro de Maio, foi o responsável por encontrar o corpo do garoto. "Ele foi localizado de costas, boiando no riacho", contou. O local onde o cadáver foi encontrado também chamou a atenção da polícia. "Você só consegue descer à área a cavalo ou em um trator. É de difícil acesso para um adulto. Imagina para uma criança", disse.
De acordo com o investigador, o corpo do menino já estava em avançado estado de decomposição. "Não vi nenhum ferimento aparente. É por isso que precisamos da perícia do IML. Ela será muito importante para a continuidade das investigações", ressaltou.
Segundo Kotarski, a polícia já abriu procedimento para investigar o caso, apesar de contar com poucas evidências. "Temos que ser cautelosos. Um crime como esse gera muita boataria", afirmou, evitando detalhar as investigações.

Guilherme Batista - Redação Bonde

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Deixe seu comentário sobre essa notícia