Pesquisar

sábado, 24 de novembro de 2012

Jovem é preso depois de estuprar aluna da APAE

Segundo a rádio Banda B uma aluna da Associação de Pais e Amigos dos Excepcionais (APAE) da cidade de Laranjeiras do Sul, região central do estado, foi estuprada na noite de sexta-feira (23). A moça tem 25 anos, mas de acordo com boletins médicos, a idade mental dela é de sete anos. O responsável pelo crime, Juarez Alves Miranda, 24 anos, foi preso em flagrante por estupro de vulnerável na manhã deste sábado (24). Ele confessou o crime. 

De acordo com o delegado chefe da 2ª Subdivisão Policial da cidade, Adriano Chohfi, a garota não dormiu em casa e na manhã deste sábado (24) chegou à residência da família contando o que havia acontecido. Ela mesma teria dito o nome do rapaz. O pai da vítima foi quem a levou até a Delegacia de Polícia para registrar o Boletim de Ocorrência. 

O delegado afirma que a moça foi enganada para ir até a residência do estuprador. "Juarez alega que ela não se opôs ao ato, mas a deficiência mental da vítima deixa claro que ele se aproveitou da condição dela", aponta. Ainda, de acordo com o delegado, a garota está bastante abalada. O homem já possui antecedentes criminais por outros delitos e os moradores da cidade estão revoltados com a situação. 

Ainda conforme o delegado, a região de Laranjeira do Sul é conhecida historicamente por crimes sexuais contra crianças e adolescentes. "Aproximadamente 20% dos crimes que acontecem na região são relacionados ao estupro", calcula. Miranda está preso em uma das celas destinada a crimes sexuais onde deve permanecer até decisão da justiça. (Com Informações da Rádio Banda B)

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Deixe seu comentário sobre essa notícia