Pesquisar

quarta-feira, 7 de agosto de 2013

Representantes de Apaes protestam em Londrina

Representantes das Associações de Pais e Amigos dos Excepcionais (Apaes) protestaram na tarde desta quarta-feira (7) no Calçadão de Londrina, contra a proposta do senador José Pimental (PT-CE), que pode resultar no fechamento de instituições de educação especial em todo o País. 


No Paraná, 327 associações atendem cerca de 41 mil alunos com deficiência intelectual e múltipla. Pela proposta já aprovada na Câmara dos Deputados, matrículas de alunos especiais devem ser feitas "preferencialmente no ensino regular". Na alteração proposta no Senado, o termo "preferencialmente" é suprimido, acabando com as Apaes. 



Com faixas, cartazes, apitos e batucadas, cerca de 500 pessoas participaram do manifesto no calçadão.

Redação Bonde

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Deixe seu comentário sobre essa notícia