Pesquisar

quarta-feira, 23 de outubro de 2013

Mulher de 32 anos é morta com golpes de facão em Paiçandu

Uma mulher de 32 anos morreu após ser vítima de golpes de facão na noite de terça-feira (22) no Jardim Catedral em Paiçandu (a 13 quilômetros de Maringá). Maria Aparecida Batista chegou a ser socorrida e encaminhada ao Hospital Universitário de Maringá (HUM), mas não resistiu aos ferimentos e morreu na madrugada desta quarta-feira (23).
Segundo o Corpo de Bombeiros, o caso ocorreu por volta das 22h30, na Rua Martins Trolli. À Polícia Militar (PM), o morador da residência alegou que Maria Aparecida teria invadido a casa dele juntamente com a mãe dela, e estava armada com uma faca. A mulher o teria ameaçado para que lhe entregasse drogas, e o rapaz, identificado pela Polícia Civil como Murilo Henrique de Carvalho, de 24 anos, teria reagido e a agredido a golpes de facão de corte de cana-de-açúcar.
Maria Aparecida teve ferimentos considerados graves com risco de morte e foi levada ao HUM, onde morreu por volta das 2h30 de hoje. O corpo foi levado ao Instituto Médico-Legal (IML) de Maringá.
Carvalho foi preso em flagrante, autuado e encaminhado à 9ª Subdivisão Policial (SDP) de Maringá. O crime será investigado pela Polícia Civil.

O Diario

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Deixe seu comentário sobre essa notícia