Pesquisar

quinta-feira, 2 de janeiro de 2014

Saúde confirma plágio e prova de concurso deve ser cancelada em Londrina

A confirmação do plágio de questões deve causar o cancelamento da prova de mais um cargo do concurso público para contratação de 318 profissionais para a Autarquia Municipal de Saúde de Londrina. A MS Concursos, do Grupo Sarmento, encontrou problemas após um pente-fino nas perguntas.
"A empresa já notificou que teve problema na prova, com questões plagiadas na prova para médico da Saúde da Família. Ela deverá ser cancelada e uma nova será realizada", disse na manhã desta quinta-feira (2) o secretário municipal de Saúde, Mohamad El Kadri, em entrevista veiculada na rádio CBN.
Ele não soube precisar quantas questões foram copiadas, mas disse que é um número alto que impede a continuação do processo seletivo. A expectativa da prefeitura é ter o resultado final do concurso no dia 2 de fevereiro, mas para o cargo de médico do Programa Saúde da Família, o prazo deve ser adiado.
A denúncia de plágio foi feita na segunda-feira (30), quando a TV Tarobá mostrou que várias questões haviam sido retiradas integralmente de provas da fundação de apoio à Universidade Federal do Rio Grande do Sul. O município pediu explicações ao Grupo Sarmento que confirmou o problema.
Plágio também foi a motivação da anulação do primeiro concurso realizado em julho deste ano.
O Diario

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Deixe seu comentário sobre essa notícia