Pesquisar

sábado, 8 de fevereiro de 2014

Resultado do concurso da Saúde de Londrina é divulgado

Com um dia de atraso, a MS Concursos divulgou ontem o resultado final do concurso da Secretaria Municipal de Saúde. Os candidatos aprovados já foram convocados e vão apresentar-se às 318 vagas dos cargos na próxima terça-feira, dia 11. Eles devem assumir as funções no dia 23 de fevereiro, já que os atuais profissionais estão trabalhando em regime de contrato emergencial, que vence no dia 22. 

O resultado e classificação final estão disponíveis no site da organizadora, no site da Prefeitura e também foram publicados em edição extra do Jornal Oficial do município, contendo a homologação do prefeito Alexandre Kireeff (PSD). 

Os candidatos foram convocados obedecendo a ordem de classificação para o encaminhamento aos exames clínicos que precedem à nomeação. Todas as futuras convocações dos candidatos para contratação também vão acontecer por publicação no Jornal Oficial. O não comparecimento dentro do prazo estabelecido implicará na desclassificação do candidato. 

A avaliação clínica, realizada pela Diretoria de Gestão e Saúde Ocupacional, tem caráter eliminatório - aquele que não apresentar boa saúde física e/ou mental para o exercício do cargo será considerado inapto e também estará desclassificado. 

Alvo de muitas reclamações e denúncias feitas por candidatos, a prova de títulos, apesar de já ter sido homologada, poderá ainda passar por confirmação de validade junto à instituição que emitiu o documento ou certificado, bem como a apresentação dos documentos originais. 

O concurso público da Saúde foi marcado por uma série de erros e contestações, como erro na distribuição do caderno de provas, anulação de provas por plágio de questões, e denúncias de irregularidades na obtenção de pontos na prova de titulação. Por isso, candidatos tiveram de refazer provas e apresentar recursos. Boletins de ocorrência foram registrados na delegacia. 

Novas contratações
Agora, a autarquia deve trabalhar na preparação de um Projeto de Lei (PL) para contratação de enfermeiros aprovados em concurso realizado em 2009 e de um novo processo seletivo para admitir agentes comunitários de saúde, cujos contratos terminam em junho. Segundo Mohamad El Kadri, secretário municipal de Saúde, os profissionais serão remunerados com os recursos que hoje são investidos no pagamento de horas extras. "Gastamos cerca de R$ 67 mil", disse, garantindo que o PL deve ser encaminhado à Câmara de Vereadores até o final deste mês. O projeto para o novo concurso também deve ser encaminhado nos próximos meses.
Marian Trigueiros
Reportagem Local FolhaWeb

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Deixe seu comentário sobre essa notícia