Pesquisar

terça-feira, 11 de março de 2014

Professores da Rede Estadual vão parar atividades mais cedo nesta terça-feira

Em protesto pelo cumprimento de 33% de hora-atividade, professores da Rede Estadual do Paraná prometem liberar os alunos uma hora mais cedo nesta terça-feira, dia 11.
 A ação faz parte da agenda de mobilizações da categoria, que busca um acordo com o Governo do Estado para o cumprimento de uma lei nacional que garante 33% da jornada dos professores usadas para preparação de aula e outras pesquisas fora de classe.
 A campanha já foi realizada em outras três ocasiões em fevereiro e a APP-Sindicato garante que o governo concede apenas 30% da jornada para estes fins.
Na última sexta-feira, dia 7, o Governo do Paraná obteve uma decisão liminar do Tribunal de Justiça para impedir que os professores da Rede Estadual realizem a campanha. 
A decisão do juiz Wellington Emanuel Coimbra de Moura determina que a APP-Sindicato, que representa a categoria, se abstenha de promover o protesto, sob pena de pagar multa diária de R$ 20 mil. 
Após receber a notificação o Sindicato tem um prazo de 10 dias para apresentar a sua defesa.
Uma paralisação maior está marcada para o dia 19. 
Além da hora-atividade, a categoria reivindica reajuste dos funcionários, pagamento dos avanços em atraso, concursos públicos, novo modelo de atendimento à saúde, cargo de 40 horas, alteração dos contratos PSS, enquadramento dos aposentados, porte das escolas, hora-aula e hora-atividade para a educação especial, infraestrutura adequada nas escolas e o fim do desmonte pedagógico na rede.

(Radio Voxnet/com Banda B) 

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Deixe seu comentário sobre essa notícia