Pesquisar

terça-feira, 24 de abril de 2018

Processo Seletivo FUNAI 2018 - Estágio

A Fundação Nacional do Índio (FUNAI) divulgou na manhã de hoje, 24 de abril, por meio do Diário Oficial da União, o edital nº 01/2018 com abertura de processo seletivo destinado à formação de cadastro reserva de estagiários em funções de nível médio, técnico e superior pelo país.
Podem se inscrever na seleção os candidatos com 16 anos ou mais, que estejam frequentando até o segundo ano do ensino médio ou o penúltimo semestre de curso superior reconhecido pelo Ministério da Educação (MEC).
A FUNAI oferece bolsa nos valores de R$ 203,00 e R$ 290,00 para os candidatos de nível médio e de R$ 364,00 e R$ 520,00 para estudantes de nível superior, além de auxílio transporte de R$ 6,00 por dia de estágio, por carga horária de 20 ou 30 horas semanais.
O período de estágio não será superior a dois anos, exceto para os portadores de necessidades especiais, conforme art. 11 da Lei Federal nº 11.788/2008.
As inscrições serão realizadas das 10h do dia 1º de maio às 16h de 31 de maio de 2018, no endereço eletrônico www.superestagios.com.br. A inscrição será gratuita.
Realizada a inscrição para a vaga e local que deseja concorrer, o candidato estará apto a iniciar de imediato a prova online, que deverá ser concluída até às 18 horas do dia 31 de maio. O gabarito será disponibilizado após a finalização da prova.
A prova online terá 30 questões de língua portuguesa, conhecimentos gerais (informática, raciocínio lógico e atualidade) e conhecimentos específicos (questão indígena no Brasil, comportamento no trabalho e relacionamento interpessoal).

Oportunidades

Para alunos do ensino médio e técnico há vagas para estudantes dos cursos de Técnico em Administração, Técnico em Informática, Técnico em Agropecuária, Técnico em Meio Ambiente, Técnico em Redes de Computadores, Técnico em Secretariado, Técnico em Contabilidade e Técnico em Recursos Humanos.
Já para Universitários, as vagas são para alunos dos cursos de Administração, Gestão Publica, Recursos Humanos, Secretariado Executivo, Redes de Computadores, Direito, Geografia, Letras, Gestão Ambiental, Serviço Social, Análise de Sistemas ou Sistemas de Informação, Antropologia, Arquitetura e Urbanismo, Arquivologia, Biblioteconomia, Ciências da Computação, Ciências Ambientais, Ciências Contábeis, Ciências Sociais ou Sociologia, Engenharia Ambiental, Engenharia Civil, Engenharia Florestal, Geodésia/Cartografia, Jornalismo, Psicologia, Design de Ambientes, Museologia, História, Contabilidade e Pedagogia.
As lotações vão ocorrer em Rio Branco e Cruzeiro do Sul (Acre); Maceió (Alagoas); Macapá e Oiapoque (Amapá); Tabatinga, Lábrea, São Gabriel da Cachoeira, Humaitá, Manaus, Atalaia do Norte e Maués (Amazonas); Paulo Afonso, Porto Seguro e Itabuna (Bahia); Fortaleza (Ceará); Brasília e Sobradinho (Distrito Federal); Goiânia e Minaçu (Goiás); Cuiabá, Juína, Colíder, Ribeirão Cascalheira, Barra das Graças, Canarana, Campo Novo do Parecis, Sapezal, Campinápolis, Comodoro, Confresa, Santa Terezinha e Tangará da Serra (Mato Grosso); Campo Grande, Dourados, Ponta-Porã e Aquidauana (Mato Grosso do Sul); Governador Valadares, Teófilo Otoni e São João das Missões (Minas Gerais); Altamira, Marabá, Itaituba e Redenção (Pará); Guaíra, Nova Laranjeiras e São Jerônimo da Serra (Paraná); Rio de Janeiro; Natal (Rio Grande do Norte); Passo Fundo, Nonoai e Tapejara (Rio Grande do Sul); Cacoal, Guarajá-Mirim e Ji Paraná (Rondônia); Boa Vista (Roraima); Chapecó e São José (Santa Catarina); Itanhem (São Paulo); Palmas, Itacaja e Tocantinópolis (Tocantins).
O processo seletivo terá validade de um ano a partir da homologação do resultado, podendo ser prorrogado a critério da Funai.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Deixe seu comentário sobre essa notícia