Pesquisar

sexta-feira, 11 de outubro de 2019

Municípios do Norte Pioneiro irão receber R$ 62 milhões do pré-sal

São Jerônimo da Serra receberá R$ 1.279.538,37
O deputado Luiz Cláudio Romanelli (PSB) confirmou na tarde desta quinta-feira (10), que as 46 cidades da mesorregião do Norte Pioneiro vão receber R$ 62 milhões de bônus de cessão onerosa do megaleilão do pré-sal, conforme projeto de lei aprovado na noite de quarta-feira (9), na Câmara dos Deputados. “São recursos importantes conquistados pela articulação, disposição e luta dos prefeitos. As bancadas do PSB e de outros partidos se empenharam na costura de um acordo que atendesse os municípios e os estados. A bancada federal do Paraná votou em peso pela aprovação do projeto”, disse.
A proposta segue agora ao Senado e o presidente da Câmara Alta, Davi Alcolumbre (DEM-AP), já adiantou que votará o projeto de forma célere, em regime de urgência. “A principal articulação dos prefeitos foi transforma a PEC (Proposta de Emenda Constitucional)  em um projeto de lei para a proposta ganhar agilidade na tramitação”, disse Romanelli.
“É uma vitória importante para os municípios paranaenses. Recursos para investimentos e para custeio de previdência que vão ajudar, e muito, os prefeitos e prefeitas do Paraná”, comemorou o deputado federal Pedro Lupion (DEM-PR), vice-líder do Governo no Congresso Nacional.
Das 46 cidades da região, 27 vão receber R$ 959,6 mil; sete vão receber R$ 1,2 milhão; duas, R$ 1,5 milhão; três, R$ 1,9 milhão; uma, R$ 2,3 milhões; duas, 2,6 milhões; uma, R$ 2,8 milhões e duas, R$ 3,2 milhões. Os maiores recursos (ver tabela) serão repassados para Cornélio Procópio, Santo Antônio da Platina, Jacarezinho, Ibaiti, Bandeirantes, Cambará, Wenceslau Braz, Siqueira Campos, Andirá, Curiúva, Carlópolis, Assaí, Uraí e São Jerônimo da Serra.  
Cota do FPM – Segundo estimativas da Confederação Nacional dos Municípios (CNN), aos municípios brasileiros serão distribuídos R$ 10,9 bilhões e aos 399 do Paraná caberão R$ 714,1 milhões. Ao Estado serão destinados R$ 494,4 milhões – o dobro de recursos previstos inicialmente. Serão R$ 10,9 bilhões distribuídos entre os estados que deverão usar a maior parte do dinheiro para abater os custos da previdência.  
Cada município receberá o recurso conforme sua cota-parte no FPM (Fundo de Participação dos Municípios) e poderá utilizá-lo em três frentes: investimento, pagamento de dívida previdenciária ou criação de reserva financeira também para custos previdenciários. “Os prefeitos não abriram mão de manter o percentual destinado aos municípios (15%) e o critério de FPM. Os dois pontos foram defendidos pela CNM”, disse Romanelli.
O percentual da cessão onerosa também foi mantido para os Estados e o Distrito Federal e será de R$ 10,9 bilhões. Os critérios de partilha, no entanto, foram alterados. A divisão aprovada é de 2/3 por meio do Fundo de Participação dos Estados (FPE) e 1/3 por Lei Kandir e FEX. O critério representou o primeiro impasse na votação da medida na Câmara e foi resolvido apenas nesta quarta, após a definição de critério misto para a distribuição.

terça-feira, 8 de outubro de 2019

Prefeito em exercício de Sapopema é assaltado, e suspeito leva caminhonete com R$ 72 mil em cheques, diz PM

O prefeito em exercício de Sapopema, cidade do norte pioneiro do Paraná, Paulo Maximiano de Souza Junior, foi assaltado nesta segunda-feira (7), de acordo com a Polícia Militar (PM).
Segundo a PM, o prefeito disse que estava chegando na casa dos pais dele quando foi abordado por um homem armado. O gestor não foi agredido, conforme a polícia.
A polícia informou que o suspeito levou uma caminhonete com R$ 72 mil em cheques. Também foram levados um talão de cheques e uma carteira com documentos pessoais.
A PM disse que recebeu informações de que o suspeito teria fugido sentido Curiúva, também no norte pioneiro.
Buscas foram feitas na região, mas o veículo não foi localizado, conforme a polícia. Até a publicação desta reportagem, ninguém havia sido preso.
A Prefeitura de Sapopema informou que o prefeito passa bem.

Com informações: Portal Curiúva

domingo, 6 de outubro de 2019

RESULTADO OFICIAL DAS ELEIÇÕES PARA CONSELHEIRO TUTELAR EM SÃO JERÔNIMO DA SERRA

Ocorreu hoje (06/10) as eleições para os cargos de Conselheiros Tutelares do Município de São Jerônimo da Serra-PR. As eleições foram unificadas, tendo ocorrido em todos os municípios brasileiros. Os eleitos iniciam o mandado a partir de 01/01/2020 para um mandado de quatro anos.
Com os votos totalizados, os eleitos pelo povo do Município foram os seguintes:

01 – PLÍNIO LÍVERO - 575 VOTOS
A imagem pode conter: Leví Carvalho Proença, close-up
02 – FABIANE BRANDÃO - 557 VOTOS
A imagem pode conter: 2 pessoas, incluindo Fabiana Brandao, pessoas sorrindo
03 – CESAR PROENÇA - 420 VOTOS
A imagem pode conter: 1 pessoa, bebida
04 – JACIRA OLIVEIRA (TERRA NOVA) - 371 VOTOS
A imagem pode conter: 1 pessoa, sorrindo, close-up

05 – ELIANA MAZENOTTO ALEIXO - 343 VOTOS
A imagem pode conter: 2 pessoas, pessoas sorrindo, pessoas em pé e área interna

Abaixo a lista de Suplentes;

06 - SILVIA CRISTINA TIXILISKI - 336 VOTOS
07 - NEIMARA APARECIDA DE ALMEIDA - 334 VOTOS
08 * FERNANDO JOSÉ LEITE SAMPAIO - 314 VOTOS

Parabéns aos eleitos, Deus os abençoe no exercício do cargo !!!!

Com informações: Gazeta Sjs

sábado, 5 de outubro de 2019

Fornecimento de vacina pentavalente será interrompido até novembro

Brasília — O fornecimento da vacina pentavalente, que protege contra difteria, tétano, coqueluche, hepatite B e hemófilo B, será interrompido nos postos públicos de saúde até novembro. A falta do imunizante, que já é sentida em vários postos do Sistema Único de Saúde, deverá se agravar até o fim do ano, em consequência da reprovação do produto, que era importado da Índia.
Os primeiros problemas da vacina, produzida pela empresa Biologicals E. Limited, foram identificados no início do ano. Três lotes foram reprovados pelo Instituto Nacional de Qualidade em Saúde (INCQS). A Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa), em junho, reprovou a importação.
De acordo com o Ministério da Saúde, novas compras com outros fornecedores para atender a demanda do País já foram realizadas. A entrega dos imunizantes, contudo, será feita de forma escalonada. Os primeiros carregamentos devem chegar apenas em novembro, se cumprido o calendário prometido. A demora na entrega é atribuída à dificuldade na produção.
Todos os meses, 800 mil doses da vacina são aplicadas no País. Há, ainda, uma demanda que não foi atendida nos meses últimos meses.

quarta-feira, 2 de outubro de 2019

São Jerônimo da Serra terá ações da Campanha Paraná Rosa no próximo de 06 de outubro

O Paraná deu início à mobilização do Outubro Rosa. Neste ano, as ações de prevenção e promoção do cuidado integral da saúde das mulheres serão levadas a 43 municípios. Elas fazem parte da campanha Paraná Rosa, lançada nesta terça-feira (1º), no Palácio Iguaçu, pelo governador Carlos Massa Ratinho Junior e pela primeira-dama Luciana Saito Massa.
As ações nos municípios, que incluem exames de saúde, palestras com profissionais das áreas de saúde, nutrição e educação física, começam já nesta quarta-feira (2) e seguem até o final do mês. A meta é atingir cerca de 3 milhões de mulheres.
Em São Jerônimo da Serra a campanha sera no próximo domingo dia 06 de outubro a partir das 14:00 horas, serão ofertados a coleta de exames de colo de útero, agendamentos de mamografia, testes rápidos de hepatite, HIV e sífilis, vacinas e diversas atividades, como palestras. O objetivo é promover a autoestima da mulher. Além disso, as unidades móveis de atendimento itinerante à mulher em situação de violência, mais conhecidas como Ônibus Lilás, levarão orientação sobre violência doméstica e familiar, direitos da mulher e assistência social.